Projeto estudantil revitaliza biblioteca escolar em Salvador

0


Projeto estudantil revitaliza biblioteca escolar em Salvador

Palavras-chave:

Foto: Claudionor Jr. – Ascom/Educação

A comunidade escolar do Centro Estadual de Educação Profissional (CEEP) em Gestão, Negócio e Turismo Luiz Navarro de Brito, localizado no bairro da Lapinha, em Salvador, participou da inauguração, nesta quarta-feira (05), da nova biblioteca da unidade de ensino. A iniciativa é fruto de um projeto de intervenção social desenvolvido pelos estudantes do 4º ano vespertino do curso técnico de nível médio em Administração. O projeto envolveu a revitalização do espaço, o desenvolvimento do layout das prateleiras e a organização do acervo. O evento também contou com palestras sobre a temática e outros projetos desenvolvidos no CEEP.
 
A coordenadora do Livro Didático e Biblioteca da Secretaria da Educação do Estado, Alessandra Santana, falou sobre a importância da iniciativa. “Este espaço é essencial para os estudantes, pois cumpre o seu papel de dar apoio às atividades acadêmicas de pesquisa, disponibilizando um acervo cultural, científico, além do entretenimento, visto que também podem ser realizadas atividades lúdicas. Além disso, a biblioteca receberá no próximo ano cerca de 150 títulos de livros da área de Literatura, além de livros técnicos de acordo com os cursos ofertados na unidade”, destacou.
 
A estudante Viviane Reis da Silva, 29, disse que gostou muito de participar da intervenção. “A intenção do projeto foi deixar o nosso legado no CEEP, de uma biblioteca organizada e aconchegante. Para essa adequação do ambiente, tivemos o apoio de técnicos do Sistema Estadual de Bibliotecas Escolares (SEBE), da Secretaria da Educação do Estado, que nos mostraram com organizar o acervo de acordo com os padrões exigidos”, afirmou.
 
Sua colega Messiane dos Reis Santos, 27, disse que “além das pesquisas e leituras, o espaço também poderá ser usado para outras atividades como rodas de conversa, dinâmicas, brincadeiras e, até mesmo, para os estudantes descansarem”, acrescentou a estudante, que também ajudou a pintar e a organizar o espaço em um trabalho realizado de forma colaborativa entre os colegas.
 
Para a professora Márcia Bispo, a revitalização da biblioteca trouxe um novo estímulo para os estudantes, além de contribuir para o aprendizado. “Antes da intervenção, os estudantes realizaram pesquisas sobre o funcionamento de uma biblioteca, visitaram a Biblioteca Central para entender a dinâmica e, partir daí, pensaram em um layout adequado ao espaço e, com isso, ampliaram seus conhecimentos”, explicou a educadora.